logotype

Economia

     A cultura e beneficiamento do fumo em folha é responsável pela força econômica no recolhimento de tributos federais. Possui a maior fábrica de beneficiamento de fumo do mundo.

fumo

     Conhecida mundialmente como a Capital do Fumo, Santa Cruz do Sul possui mais de 4.500 propriedades rurais, com média de 12 hectares de extensão, totalizando quase 53.000 hectares cultivados, que produzem cerca de 120.000 ton/ano. Aliado à cultura do fumo, aqui radicada desde o início do século, tem expressão as produções de milho, feijão, arroz, soja, mandioca, flores e hortifrutigranjeiros.

     No campo da pecuária destaca-se os aviáriose a produção de ovos, a piscicultura, os suínos e bovinos de corte, a produção de leite e a apicultura como segmentos mais importantes na área animal. Como parte do esforço para fixação do homem no campo,a indústria fumageira implantou e mantém ativo um exemplar sistema integrado de produção entre agricultores e fábricas. Tal iniciativa de parceria, deu resultados positivos e promissores, e é responsável pela presença permanente de 7.000 famílias na área rural do município.

     Depois do segmento fumageiro, destaca-se o setor do vestuário que é considerado o 3º pólo do Estado.

     Seguem-se os setores de alimentação, metalurgia, borracha, plásticos, mobiliário e sementes híbridas.